Em “bom português”: “Um amor de perdição” não está nomeado para os Óscares

um-amor-de-perdicao-foto-150x150Ao contrário do que adiantaram algumas notícias, o filme de Mário Barroso – Amor de Perdição – não está nomeado para os próximos Óscares. É, sim, o filme proposto por Portugal à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos a uma nomeação para o Óscar de “Melhor Filme Estrangeiro”.

Tal como acontece todos os anos, Portugal elege um filme entre a produção nacional estreada, neste caso, entre Outubro de 2008 e Setembro de 2009, para submeter ao primeiro escrutínio dos Óscares. No entanto, há a possibilidade de o novo filme de Joaquim Leitão, “A esperança está onde menos se espera”, não ter ainda sido apreciado pelo júri, o que pode alterar a decisão.

Mário Barroso já viu outro filme seu ser escolhido para representar Portugal na candidatura aos Óscares – “O Milagre segundo Salomé”, em 2004.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


*