verdeperto

Café-galeria Verde Perto: uma surpresa agradável

(17/05/2012) Ontem, quando ia a caminho do Chapitô ver o documentário “Kilombos“, realizado pelo meu colega e amigo Paulo Nuno Vicente (um final de noite muito bem passado com o José Eduardo Agualusa e a Margarida Santos Lopes, por sinal), deparei-me com o café-galeria Verde Perto e, com receio de que o jantar no Restô me atrasasse (a descoordenação é um dos pontos fracos do restaurante do Chapitô), acabei por arriscar o Verde Perto. A surpresa não podia ter sido melhor: vários tipos de pãezinhos (de noz, de centeio e tipicamente alemão) com manteiga de alho caseira, umas bruschettas óptimas e um prato do dia no ponto (salada divinal, arroz basmati e frango com courgettes e queijo gorgonzola). No fim, a conta não ultrapassou os 12 Euros por pessoa. E ainda houve tempo para admirar as jóias de autor que têm lá expostas.

O café-galeria Verde Perto fica na Rua Costa do Castelo, mesmo em frente ao Bar das Imagens.

Imagem: Manuel Graça Dias + Egas José Vieira arquitectos

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


*