8a7fc0ac86dc9af6e4e9d1138cd729c1

Onde encontrar inspiração para criar?

(03/01/2012) No dia-a-dia, tenho um bloco de notas do qual nunca me separo. As ideias para um artigo podem aparecer em qualquer altura: numa esplanada, em conversa com amigos ou na fila do supermercado. No entanto, tenho de admitir que mais de dois terços da inspiração provêm precisamente de outros artigos publicados quer em meios de comunicação quer em blogues e páginas do Facebook.

O difícil não é encontrar as fontes de inspiração. É saber identificá-las e potenciá-las.

A propósito de ideias, alguns criadores de topo de várias indústrias criativas revelaram ao Guardian quais são as suas fontes de inspiração e como as aproveitam ao máximo.

Imagem: é da autoria de Jack e faz parte de uma série de fotografias que retratam o seu pai.

colher

COLHER – inside the portuguese graphic design

O site Colher, criado por Eurico Sá Fernandes, funciona como plataforma de divulgação de designers e ateliers portugueses, o que é sempre uma iniciativa de louvar. Até à data, o directório reúne trabalhos de 31 criadores portugueses, desde a tipografia, ao design editorial e à ilustração. Pela qualidade do projecto, espero que este número aumente.

entre_polos_

Entre Pólos – 1.ª mostra de ilustração e desenho até 31 de Julho

Trinta e três talentos nacionais na área da ilustração e desenho mostram o seu trabalho na primeira edição da “Entre Pólos”, no Pavilhão 28 (Hospital Júlio de Matos) em Lisboa. A exposição é organizada pela Magnética Magazine,  que dedica, aliás, a sua edição de Julho à ilustração nacional. Os artistas foram escolhidos a partir de uma centena de candidaturas, segundo critérios de inovação, criatividade e qualidade visual.

Recomendo a visita.

Ilustração: João Concha, um dos participantes.

file-2-556x591

Os Gémeos – Das paredes devolutas para o Museu Berardo

São duas das figuras mais importantes do graffiti ou arte da rua. E é também a primeira vez que um museu português de grande dimensão acolhe uma exposição de artistas oriundos desta área criativa (embora a transição do graffiti para as paredes de uma galeria não seja nova). A dupla Os Gémeos, composta pelos irmãos brasileiros Otávio e Gustavo Pandolfo, é conhecida pelo uso do amarelo, do roxo e do vermelho em figuras fantásticas de proporções desmedidas, inseridas num imaginário sonhador, mas crítico.

Embora estes artistas façam questão de separar o graffiti como expressão artística de rua, que utiliza os muros e os prédios devolutos como telas, e esse mesmo conceito numa galeria, a verdade é que é precisamente essa transição que torna a exposição “Pra Quem Mora Lá o Céu É Lá” no Museu Berardo, patente até 19 de Setembro, um evento a não perder.

ilustracao3

Os melhores ilustradores japoneses estão online

 Kodera Shigeki

Recentemente online, o site da Sociedade de Ilustradores de Tóquio reúne um conjunto magnífico de trabalhos de ilustradores japoneses,  abrangendo uma diversidade de estilos e plataformas, desde os consagrados Toshio Nomura e Shigeki Kodera aos novos criadores.

 

Yu Shitinohe

Para ver o site da Sociedade de Ilustradores de Tóquio em inglês, accione o mecanismo de tradução automática da Google.

Toshio Nomura

new_mirror

Abordagens alternativas da ilustração em exposição

Esta é a não perder. New Mirror Illustration é a nova exposição patente na galeria da Who até 19 de Junho, com trabalhos de seis ilustradores seus agenciados, que assumem a responsabilidade de abrir novos caminhos de reflexão sobre a ilustração, desde “o manuseamento do papel de Rithika Merchant, à ilustração aplicada ao vídeo de Mónica Santos, passando pela escultura através da cerâmica de Maria Bicas Pereira, as caixas de luz de Xavier Almeida que exploram o desenho e a sombra, a foto-montagem de Luís Dourado que funde imagens iconográficas e a pintura mural sobre vidro em que Rosa Baptista assume o lado efémero da Ilustração”.

A galeria da Who fica na Rua Luz Soriano, 71 (Bairro Alto) e está aberta de Segunda a Sexta, entre as 10h e as 20h, e aos Sábados, entre as 16h e as 20h.

depressa_devagar

Bernardo Carvalho vence Prémio Nacional de Ilustração 2009

Bernardo Carvalho venceu o Prémio Nacional de Ilustração 2009 pelas ilustrações do livro “Depressa, Devagar”, editado pela Planeta Tangerina, editora, aliás, fundada por este ilustrador em 1999. As menções especiais foram atribuídas a Marta Madureira, pelo “Livro dos Medos”, e a Madalena Matoso, pela obra “Andar por aí”.

O Prémio Nacional de Ilustração é atribuído pela Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas.

Prato do mês no Gum-Art Café: cinema italiano desenhado por Nuno Saraiva com legendas de Pellegrino Artusi

dolcev

O Gum-Art Café continua a ter na ementa boas exposições. Desta vez, inaugura na próxima quinta-feira a exposição “Cinema Italiano com Legendas de Pellegrino Artusi” da autoria do ilustrador e autor de BD Nuno Saraiva. Trata-se de um conjunto de catorze desenhos em acrílico sobre papel, nos quais Nuno Saraiva reúne algumas citações do célebre chefe de cozinha Pellegrino Artusi, considerado o pai da culinária italiana, a planos de alguns dos filmes clássicos italianos, como “La Dolce Vita” de Fellini ou “La Notte de Antonioni.

A exposição decorre até 29 de Novembro e pode ser visitada todos dos dias das 09h30 às 20h30, e até às 23h00 entre quinta e sábado.

O Gum ArtCafé fica na Alameda dos Oceanos, junto ao Casino de Lisboa, no Parque das Nações. Não é caro e tem uma filosofia muito londrina.

Ilustrarte 2009 – candidaturas até 31 de Outubro

logo_ilustrarte09Estão abertas até 31 de Outubro as candidaturas para a exposição bienal Ilustrarte, que reúne ilustradores de livros infantis de todo o mundo. Os concorrentes terão de enviar três trabalhos originais, inéditos ou publicados há menos de dois anos. As ilustrações seleccionadas pelo júri estarão patentes no Museu da Electricidade, em Lisboa, entre 1 de Março e 1 de Abril de 2010, no IV edição da Ilustrarte. O vencedor, apresentado na inauguração, receberá um prémio de 5.000 Euros.

O regulamento e a ficha de inscrição estão disponíveis em www.ilustrarte.net.

"Artoons" ou cartoons sobre o mundo da arte

Pablo Helguera é um artista mexicano radicado em Nova Iorque que trabalha com várias formas de expressão da arte contemporânea, como a escultura, a fotografia, a ilustração ou a instalação, procurando sempre reflectir sobre a relação entre história, linguagem e produção cultural.  A sua mais recente obra, publicada este ano, reúne em dois volumes uma colecção de cartoons sobre o mundo da arte – Artoon I e Artoon II.

we-just-feel-more-comfortable1

 

your-work-was-rejected

helguera

sign-the-guestbook2