livro_ferramentas_digitais

Ferramentas Digitais para Jornalistas

O nome faz jus à importância do livro. Agora traduzido em português do Brasil, a obra “Ferramentas Digitais para Jornalistas”, escrita por Sandra Cucianelli e promovida pelo Knight Center for Journalism da Universidade de Austin, no Texas, é, precisamente, uma ferramenta INDISPENSÁVEL não só para estudantes de jornalismo como também para jornalistas e outras pessoas que queiram saber, por exemplo, como criar um blogue ou potenciar as redes sociais.

Ah! E está disponível gratuitamente aqui.

democracia

Dia Mundial da Liberdade de Imprensa – os factos

Naquele que é um dos dias mais importantes para a democracia – o da Liberdade de Imprensa, assinalado hoje, 3 de Maio – a Freedom House publica a edição 2010 do “Freedom of Press Index”, um extenso dossier com reportagens e estatísticas mundiais relacionadas com a liberdade dos media.

Alguns factos:

  • apenas 17% dos cidadãos usufrui da liberdade de imprensa, em todo o mundo;
  • a liberdade de imprensa diminuiu em 2009, em particular nos países africanos, como a Namíbia e a África do Sul, e nos latino-americanos, nomeadamente o México e as Filipinas;
  • os governos da China, Rússia e Venezuela aumentaram os mecanismos de bloqueio de acesso aos conteúdos da Internet e novos media;
  • Bielorrússia, Birmânia, Cuba, Guiné Equatorial, Eritreia, Irão, Líbia, Coreia do Norte, Turquemenistão e Uzbequistão são os 10 países com a pior cotação mundial, onde a liberdade de imprensa simplesmente não existe ou enfrenta grandes dificuldades.

 Imagem: cartoon de Ed Stein

fcsh-b

Call for Papers – II Seminário Internacional de Media, Jornalismo e Democracia

Estão abertas até 31 de Maio as chamadas de trabalho para o II Seminário Internacional de Media, Jornalismo e Democracia, organizado pelo Centro de Investigação Media e Jornalismo (CIMJ) que terá lugar na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, nos dias 8 e 9 de Novembro de 2010.

Poderão ser submetidas propostas de comunicação relacionadas com todas as áreas dos estudos dos media e do jornalismo, mas um dos factores de selecção será a conexão dos trabalhos propostos com o tema central do seminário – Media, Jornalismo e Democracia.

Mais informações aqui.

jornalismo

Como criar um negócio na área do jornalismo

É um mini-curso da Escola de Verão da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e há, sobretudo, duas razões para frequentá-lo: a relevância do tema é indiscutível (um jornalista pode e deve ser empreendedor) e é ministrado pelo Prof. António Granado.

O curso é composto por cinco sessões, de quatro horas cada, programadas para os dias 6, 8, 10, 15 e 17 de Setembro de 2010, entre as 18h e as 22h. As inscrições podem ser feitas aqui.

Premios_Gazeta1

Prémios Gazeta de Jornalismo – inscrições até 30 de Abril

Estão abertas até 30 de Abril  as candidaturas aos prémios Gazeta de Jornalismo 2009, instituídos pelo Clube dos Jornalistas, em três categorias: Grande Prémio Gazeta (20.000 Euros), Prémio Revelação (5.000 Euros) e Prémio Nacional de Imprensa Regional.

Todas as informações referentes às inscrições e aos prémios estão disponíveis aqui.

Próximas reuniões científicas na área do jornalismo

Local: Palácio de Congressos de Huesca, Espanha.

Data: 11 e 12 de Março de 2010.

Grandes temas: desaparecimento do jornalismo, novas narrativas, jornalismo integrado (ou de convergência) e jornalismo on-line em Portugal (com a participação do professor universitário e editor on-line do Público, António Granado).

 

Local: Universidade de Westminster, Londres.

Data: 25 e 26 de Março de 2010.

Grandes temas: dimensões dos media minoritários em África, relação entre media e direitos humanos, implicações dos media na identidade política, nos dialectos, no racismo e conflitos. 

 

Local: Tartu, Estónia.

Data: 14 a 16 de Abril de 2010.

Grandes temas: Papel do indivíduo na transformação cultural, património cultural e linguagens da arte.

 

Local: Universidade de Austin, Texas.

Data: 23 e 24 de Abril de 2010.

Grandes temas: jornalismo on-line e novo papel do jornalista.

 

Apresentação do livro “Memórias Vivas do Jornalismo”, dia 11 de Fevereiro, na livraria Barata

Da autoria de Fernando Correia e Carla Baptista, o livro “Memórias Vivas do Jornalismo” será apresentado por José Rebelo e Miguel Gaspar, no dia 11 de Fevereiro (quinta-feira), às 18h30, na livraria Barata (Avenida de Roma, 11-A) em Lisboa.

Os autores utilizam a entrevista em discurso directo (género que tem sido, aliás, privilegiado em obras semelhantes lançadas nos últimos tempos) para criar um retrato da profissão de jornalista nas décadas de 40, 50 e 60, a partir do contributo de 17 profissionais da área.

Abertas candidaturas a bolsas de jornalismo nos EUA

No âmbito do Programa José Rodrigues Miguéis 2010, a Fundação Luso-Americana vai atribuir a 10 jornalistas portugueses bolsas de estudo de curta duração nos EUA. As candidaturas estão abertas até 10 de Fevereiro e devem ser submetidas on-line aqui.

Os candidatos devem ser jornalistas profissionais portugueses ou cidadãos da UE com residência no nosso país, ter até 40 anos, mínimo de 5 anos de carreira profissional com carteira de jornalista e bom domínio das línguas portuguesa e inglesa. Funcionarão como critérios preferenciais o vínculo a um órgão de comunicação social e habilitações ao nível do ensino superior.

Os seleccionados terão acesso a um programa de aperfeiçoamento profissional durante duas semanas (entre 21 de Junho e 2 de Julho de 2010) no Committee of Concerned Journalists, em Washington DC.

Mais informações aqui.

10 blogues que vou continuar a acompanhar em 2010

Indústrias Culturais É uma referência incontornável para quem gosta de reflectir sobre as indústrias culturais em geral e, em particular, sobre as questões relacionadas com o futuro dos media.

Sound + Vision Criado por Nuno Galopim e João Lopes, o blogue informa e opina sobre música e cinema.

Ponto Media Uma fonte inesgotável de recursos sobre media e jornalismo.

Journalist Tool Box Na sequência do interior, este blogue é literalmente uma caixa de ferramentas para jornalistas.

Science of the Time Os cool hunters têm cada vez mais importância para a comunicação e o marketing. Este blogue reúne as principais tendências “cool” mundiais.

David Report Além dos registos diários sobre design, o blogue publica trimestralmente um “trend report”.

Blogtailors Uma referência sobre edição no contexto livreiro.

Cultura e mercado Uma fonte essencial para pensar a cultura do ponto de vista económico e político.

História, Cultura e Comunicação (J. S. Faro) Professor de Jornalismo Cultural, o seu blogue será provavelmente uma extensão riquíssima das suas aulas e trabalhos académicos.

MagCulture Uma referência para quem é apaixonado por revistas, como eu.

A lista não acaba aqui. Todos os blogues que ocupam o lado direito do ecrã são de consulta obrigatória, por uma ou outra razão.

Próximos Call for Papers na área do jornalismo

Revista Comunicação & Cultura

Organização: Universidade Católica Portuguesa

Tema: Pós-género

Data para envio de papers: 30 de Dezembro de 2009

Mais informações: aqui 

 

Congresso da International Association for Media and Communication Research (IAMCR)

Tema: Communication and Citizenship: rethinking crisis and change

Local: Braga (Universidade do Minho)

Data: 18 a 22 de Julho de 2010

Data para envio de propostas de comunicação: 31 de Janeiro de 2010

Mais informações: aqui

 

Revista Comunicação e Sociedade

Organização: Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho

Tema: Screens and Sociotechnical Attachments

Data de submissão dos artigos: 31 de Janeiro de 2010

Mais informações: aqui

 

Livro "Media, Redes e Comunicação: Futuros Presentes" é apresentado hoje

 

É apresentado, hoje, às 18h30, no Palácio Foz, o livro “Media, Redes e Comunicação: Futuros Presentes”, editado por Gustavo Cardoso, Francisco Rui Cádima e Luís Landerset Cardoso, presidentes do Obercom nos últimos dez anos. A apresentação do livro é feita por Teresa Ribeiro.

Fonte: Indústrias Culturais

“Jornalismo em Liberdade” agora e no futuro

De modos diversos, Francisco Sena Santos, Joaquim Letria, Vicente Jorge Silva, Emídio Rangel, Henrique Cayatte e Maria Elisa modificaram a minha vida e a visão do país e do mundo de milhares de portugueses. Cada qual à sua medida e dimensão e também em tempos diferentes alteraram a forma de fazer informação em Portugal. Como eles outros haverá – e há – mas os que aqui aparecem, para citar o final de um conhecido poema de Brecht que nos fala dos que lutam pela mudança, “são os imprescindíveis”.
Talvez este livro seja, nessa perspectiva, uma forma modesta de agradecer e fixar o trabalho – controverso, contraditório, incompreendido, criticado, aplaudido – e as marcas profissionais que os percursos de cada um tiveram e assumiram.

Lançado no passado dia 24 de Novembro, na livraria Almedina do Saldanha, o livro “Jornalismo em Liberdade”, da autoria de João Figueira, professor de Comunicação da Universidade de Coimbra e ex-jornalista do Diário de Notícias, reúne entrevistas com seis personalidades que, na opinião do autor, influenciaram de forma decisiva a informação e a forma de fazer jornalismo no período pós-25 de Abril. A obra reflecte também sobre os desafios que o futuro irá impor aos media.